Impostômetro registra R$ 300 bi na madrugada de 1º de fevereiro

Marca será alcançada com quatro dias de antecedência comparada com o ano passado

São Paulo, 31 de janeiro de 2022 — O Impostômetro, painel instalado na sede da Associação Comercial de São Paulo (ACSP), no Centro Histórico da capital paulista, vai registrar R$ 300 bilhões na madrugada desta terça-feira, 1º de fevereiro. Este é o montante pago pelos contribuintes brasileiros aos governos federal, estaduais e municipais desde o início deste ano.

 

O valor arrecadado vem mais cedo: quatro dias antes que em 2021. A explicação para a antecipação, de acordo com o economista da ACSP, Ulisses Ruiz de Gamboa, está na retomada econômica iniciada no ano passado. “Sem as medidas de restrições impostas para conter a disseminação da covid e com o avanço da vacinação, pouco a pouco os setores mais atingidos pela pandemia — como o comércio e serviços — puderam retomar fôlego”, lembra.

 

Ruiz de Gamboa ainda ressalta que na medida que as pessoas voltam a consumir a arrecadação aumenta naturalmente em todas as esferas administrativas.

 

Outros fatores importantes para que a marca chegasse mais cedo este ano foram a aceleração da inflação, que encarece os preços de produtos e serviços, e o fim do adiamento do pagamento de tributos que vigorou em 2020.

 

O painel físico do Impostômetro está localizado na Rua Boa Vista, 51, Centro Histórico de São Paulo – anexo ao edifício sede da Associação Comercial de São Paulo. No site também é possível acompanhar em tempo real a arrecadação de impostos no país.

 

Anúncio