CORONAVÍRUS: Irã pode ter 25 milhões infetados

Hassan Rouhani, presidente do Irão, estima que o país tenha tido 25 milhões de pessoas infetadas com Covid-19 desde o início da pandemia. A informação foi avançada pela agência de notícias estatal iraniano, a IRNA, como conta a Time. Contudo, o estudo no qual o líder do Irão se baseou para fazer a afirmação não foi revelado.

Oficialmente, o Irão teve mais de 270 mil casos confirmados de Covid-19 e 13.979 mortes ligadas à pandemia. Não obstante, Rouhani utiliza este estudo do Ministério da Saúde iraniano para justificar que acredita que nos próximos meses mais 30 a 35 milhões cidadãos podem ser infetados. Nas mesmas declarações, o presidente disse que o número de internados pode duplicar “em relação aos últimos 15o dias”. Ao todo, o Irão tem cerca de 81 milhões de habitantes.

Estes números podem contrastar com o número oficial de casos confirmados de pessoas com Covid-19 no Irão. Porém, nos últimos dias o número de iranianos infetados tem estado a subir: só nas últimas 24 horas houve 2.166 novos casos e 188 mortes.

A informação sobre o novo coranavírus no Irão não tem sido muito clara desde o início da pandemia. A 11 de fevereiro, Kamiar Alaei, especialista iraniano em saúde pública, dizia à New Yorker: “O governo não queria reconhecer que tinha em mãos um surto de coronavírus porque temeu que essa notícia tivesse impacto na participação dos dois eventos [as eleições parlamentares e o 41º aniversário da Revolução Islâmica, a 11 de fevereiro]”.

Em abril, um relatório parlamentar do país destacava que o número de mortes ligadas à pandemia seria o dobro do que estava a ser divulgado. O mesmo estudo dizia ainda que, devido à testagem insuficiente no país, o números de casos podia ser “oito a dez vezes superior” aos números oficiais.

Fonte: Time/Observer

Anúncio