Algo para se pensar

Estávamos nós quase entrando num campo descampado de solidão (depressão), por alguns acontecimentos.

*Por Weriqui Bezerra Araujo

De qualquer forma reorganizar suas ideias, colocar as coisas em ordem, reestrutura sua forma de lidar com as coisas, dá um novo sentido para vida.

Sabe aquele ponto de partida, de onde você se refaz, não se importando tanto com a fase de instabilidade, mais dando seriedade ao caso, apenas vivendo a vida de forma mordaz, sem medo, ou deixando o pânico adentra por suas portas (coração e mente).

É claro que somos sujeitos aos nossos medos e receios, nossa natureza humana é assim. Ficarmos cá nós, preocupados, mas de toda e qualquer sorte, manter se neutro e calmo será a única forma de lidarmos com qualquer tipo de fragilidade.

Não é por que algo deu errado, ou até estamos adentrando numa zona desconhecida, ou acabamos vivenciado algo triste, ou que seja pesado demais para lidar-se sozinho, que a vida perdeu seu sentido (graça). Esses altos e baixos, são importantes para nos ensinar que somos nós capazes sim de superarmos qualquer obstáculo, sendo ele bom ou não.

É claro que tudo pode ser neutralizado pela nossa incredulidade, falta de fé, deixar se levar por marasmos de ideias, ficar deslumbrado por qualquer vento de ideias.

Essa figura que tanto queremos mostrar ao outros, é apenas um reflexo da nossa triste realidade de dependência revestida de verdade. Que consiste num ato de provar nossa incapacidade (realismo), é complicado de tentar esclarecer esse tipo de ideia de maneira simples (coloquial) em palavras.

Pois ela é ambivalente, onde dois lados opostos se contradizem um no outro. Por mais que seja notório colocar as ideias no lugar agora, ainda assim ficaremos a margem das ideias frágeis de nós mesmos.

Isso tudo faz um amontoado de lixo tóxico em nossas mentes e corações, que aglutina nossos sonhos e desejos em um único ato. Mas de forma cândida superamos essa inverdade, se assim podemos dizer, um corifeu de sensações e desejos de nós mesmos.

Talvez não consiga compreender qual o sentido de tais palavras (dizeres), aqui exposto, de toda e qualquer forma a vida continua, mesmo que seja por um curso oposto ao nosso. A vida não parar para ninguém.

Anúncio

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here