Sprint Race: Gerson Campos (PRO) e Cassio Cortes (GP) são os campeões da edição 2018

Anúncio

Títulos foram definidos após as duas corridas realizados neste sábado no Autódromo de Interlagos. Gerson Campos (PRO) e Vinicius Kwong (GP) venceram a corrida final da oitava etapa da temporada.

São Paulo, SP – Em duas corridas finais emocionantes na grande final da Sprint Race Brasil, disputadas neste sábado (15) no Autódromo Internacional José Carlos Pace, em Interlagos, localizado na zona sul de São Paulo, foram conhecidos os campeões nas categorias PRO e GP. Os pilotos Gerson Campos e Cassio Cortes foram recebidos em frente a área de box com grande festa e foram celebradas as conquistas dos títulos.

Desta vez, no circuito de 4.309 metros de extensão, foram quatro pilotos diferentes no lugar mais alto do pódio na oitava etapa. Na primeira corrida do dia, na PRO, Rapha Campos foi o vencedor. Na segunda corrida, Gerson Campos superou o pole position [Rapha] e Diego Ramos e assumiu a liderança da prova até a bandeira quadriculada. Na GP, Cassio Cortes faturou a primeira corrida garantindo o título do campeonato com uma corrida de antecipação e Vinicius Kwong venceu a segunda e última corrida do ano.

“Foi um ano sensacional, muito corrido, literalmente, para todos nós, acirrado até o final, nós  chegamos à final com tudo aberto. Mas enfim, consegui ganhar a corrida que definiu o campeonato. Durante a corrida, atrás o pessoal se enroscou, teve reclamações e houveram punições. Acabou que o resultado foi bom para mim e, assim, sou campeão da PRO”, destacou Gerson Campos.

“O objetivo era estar na briga pelo título, vencer corridas e fazer pódios, então está mais do que cumprido. Brigar no automobilismo de ponto é muito especial. Obrigado quem nos apoiam na Sprint e a todos que nos acompanham! Em 2019 estamos de novo na Sprint Race!”, festejou o paulista Gerson Campos #82.

Na categoria GP, Cassio Cortes garantiu a dobradinha para os Acelerados. “Estou muito satisfeito, o carro esteve muito bom o final de semana inteiro. A segunda corrida foi uma das mais divertidas que tive na Sprint, por causa de lastro, saber dosar os pneus, você tem que correr com a cabeça, foi muito gostoso no fim esquecer um pouco disso”, comemorou Cassio Cortes.

“Mas, o mais importante que isso é o título. Quem compete em automobilismo sabe o quão difícil é ser campeão de qualquer coisa. É um orgulho imenso para mim ser campeão da categoria e, agora, vou ser o embaixador da Sprint Race por onde eu for, vou carregar isso para sempre. Muito obrigado ao Thiago Marques por ter acreditado nesse nosso projeto Acelerados, a Militec, pois sem eles não iríamos a lugar nenhum”, finalizou o piloto gaúcho do SR#09.

A temporada contou com oito etapas e dezessete corridas, – incluindo a Corrida de Convidados. Os pilotos superaram os concorrentes e os próprios limites para conquistar o título. A oitava etapa computou pontos dobrados, valendo 25 pontos para o classificatório, 25 pontos a primeira corrida e 50 pontos a segunda corrida, sendo assim 100 pontos estiveram em jogo.

A cerimônia de premiação para os campeões da temporada 2018 das categorias PRO e GP, como também do minitorneio Winter Cup, Gerson Campos; Final Cup, Vinicius Kwong; Rookie Of The Year, Diego Ramos e piloto Revelação, Luiz Arruda, foi realizada às 18 horas com  DJ JHU Novelli, no no  JK Bar Art, localizado na Rua João Cachoeira, 1036, no Itaim Bibi, em São Paulo.

As exibições da oitava e última etapa da Sprint Race Brasil acontece ao longo da semana seguinte a etapa, dentro da programação dos canais BandSports e PlayTV, além da cobertura completa no Programa Acelerados – no SBT e no YouTube (youtube.com/acelerados), do programa National Sports Channel (canal 26 e 18, da Vivo/São Paulo) e no programa Auto + no Bandsports.

A Sprint Race tem patrocínio da Albriggs, aQuamec, Pirelli, Motul, Fremax e Rio Custom.

Resultado da corrida 1

1) #13 Rapha Campos (Prati-Donaduzzi), PRO, 25m53s162 após 12 voltas

2) #113 Diego Ramos (Shell), PRO, a 7s260

3) #7 Kau Machado (Itaipu Binancional), PRO, a 9s975

4) #34 Rodrigo Elger (Vivamil), PRO, a 18s405

5) #82 Gerson Campos (Militec), PRO, a 21s856

6) #9 Cassio Cortes (Militec), GP, a 23s322

7) #44 Luiz Arruda (TMC Blindagens), GP, a 24s345

8) #19 Rafael Seibel (Leo Madeiras/ Barga), GP, a 25s400

9) #228 Vinicius Kwong (Permabond), GP, a 34s741

10) #500 Dante Fibra (Sprint Race), GP, a 35s940

11) #27 Luiz Túrmina (Cimed), PRO, a 38s392

12) #55 Ricardo Haag (We Credit/Motul), GP, a 39s192

13) #77 Rodrigo Rocha (Riachuelo), GP, a 44s342

Não compleram 75% da prova

14) #177 Keka Teixeira (Vitamedic), GP, a 9 voltas

15) #301 Rafael Reis (América Net), PRO, a 10 voltas

16) #8 Leo Torres/ Alex Seid (Sprint Race), PRO,  a 10 voltas

 

Resultado da corrida 2

1) #82 Gerson Campos (Militec), PRO, 25min49s655, 11 voltas

2) #228 Vinicius Kwong (Permabond), GP, a 2s094

3) #9 Cassio Cortes (Militec), GP, a 6s767

4) #8 Leo Torres (Sprint Race), PRO,  a 6s840

5) #34 Rodrigo Elger (Vivamil), PRO, a 7s518

6) #19 Luciano Zangirolami (Leo Madeiras/ Barga), GP, a 8s732

7) #7 Kau Machado (Itaipu Binancional), PRO, a 9s282

8) #500 Dante Fibra (Sprint Race), GP, a 9s411

9) #77 Rodrigo Rocha (Riachuelo), GP, a 11s406

10) #55 Caê Coelho (We Credit/Motul), GP, a 11s463

11) #301 Rafael Reis (América Net), PRO, a 11s570

12) #177 Keka Teixeira (Vitamedic), GP, a 12s702

13) #44 Luiz Arruda (TMC Blindagens), GP, a 23s837

Não compleram 75% da prova

#113 Diego Ramos (Shell), PRO, a 5 voltas

#27 Luiz Túrmina (Cimed), PRO, a 10 voltas

#13 Rapha Campos (Prati-Donaduzzi), PRO, DQ

 

Classificação do campeonato após a 17 corridas:

Categoria PRO

1) 82 Gerson Campos (Militec), 352 pontos

2) 13 Rapha Campos (Prati-Donaduzzi), 321

3) 113 Diego Ramos (Shell), 316

4) 27 Luiz Gustavo Túrmina (Cimed), 281

5) 07 Kau Machado (Itaipu Binacional), 246

6) 34 Rodrigo Elger (Vivamil), 226

7) 111 Bruno Bertoncello (Pittol), 125

8) #8 Leo Torres / Alex Seid, 44

9) 18 Pedro Lopes (Sprint Race), 32

10) #301 Rafael Reis, 30

11) 17 Christian Fliter / Nicolas Fliter (Mackenzie), 20

 

Categoria GP

1) 09 Cassio Cortes (Militec), 327 pontos

2) 19 L. Zangirolami / R. Seibel (Leo Madeiras/ Barga), 262

3) 55 Caê Coelho (We Credit), 255

4) 77 Rodrigo Rocha (Riachuelo), 246

5) 228 Vinicius Kwong, (GK1), 244

6) 44 Luiz Arruda (Avantgard), 234

7) 20 Jorge Garcia (Vivamil), 158

8) 99 Vinny Azevedo (iRapido), 154

9) 37 Ricardo Haag (We Credit), 92

10) 37 Raphael Teixeira (Vivamil), 84

11) #500 Dante Fibra, 38

12) #177 Keka Teixeira, 28

Anúncio