O pancadão das eleições

Rita Gomes Todeschini
Rita Gomes Todeschini – Empresária, Analista Politica e colaboradora do site Na Pauta Online.
Esta coluna é publicado todos os domingos.

Acaba neste domingo (5), o prazo dado pelo TSE para que os partidos façam as suas convenções e com isso definam seus candidatos para o Senado, Câmara, Governos estaduais e Presidência.

Por conta disso, a semana foi tumultuada, com muitas facadas nas costas,  traições nos últimos segundos e, mesmo com a vicefobia continuando firme e forte, porém com a data limite dos registros das candidaturas chegando, alguns pretendentes a vice já começaram a se oferecer em bandeja de prata, já outros continuam fugindo mais do que o diabo foge da cruz.

Vamos analisar algumas candidaturas hoje.A dupla de postulantes mais esquisita e surreal a morarem no Alvorada e Jaburu, é Marina Silva (Rede), sim ela mesmo, a Mulher Bissexto – só aparece de quatro em quatro anos – e Eduardo Jorge (PV-SP).

Enquanto escrevo, imagino um comício do dois: ela propondo nada com coisa nenhuma e ele a liberação da maconha. Realmente essa dupla tinha que ter um integrante do Acre, para ser tão flutuante.

Geraldo Alckmin aceitou a senadora Ana Amélia (PP-RS) como sua vice, depois de ela praticamente se oferecer.Não entendi muito bem essa jogada, tudo bem que ela é mulher, mas ela está no meio de uma fossa, que não é séptica, que se chama PP Gaúcho. Está na planilha da Odebrecht, recebeu R$ 200 mil para a campanha em 2010 …. ah, mas essa doação, só no caso dela, foi legal ….

Não é conhecida fora do Eixo Sul/Sudeste, andou perdendo capilaridade na sua base…Mas tudo bem, para quem acha que só vai governar para o Sul/Sudeste foi uma “excelente” escolha do Alckmin.Essa síndrome “quatrocentona” do PSDB é o que acaba com as possibilidades de ele chegar a algum lugar.

Ciro Gomes, é outro ponto de interrogação. Tinha tudo para ser uma terceira via consistente, um nome diferente, por todo conjunto da obra que ele foi, por sua capacidade intelectual e administrativa. Nunca vou me esquecer seu primeiro mandato como prefeito de Fortaleza, ao completar um ano no cargo fez uma prestação de contas pública. Quem ousaria fazer isso em meados dos anos 80, logo após uma redemocratização? Ele mesmo, porém o destempero que o acompanha não o ajuda muito.

Ao retornar de um período de estudos em Haward, sua mãe e assessores, Serpas & Cia, o colocaram numa redoma de vidro,o que, em determinado momento, o deixou fora da realidade. E com isso ele perdeu o freio do bom senso e perde eleições por conta da língua, como em 2002.

Álvaro Dias, velho conhecido. Após ser rejeitado como vice do Serra na corrida eleitoral de 2010, o alertei para a necessidade de percorrer o Brasil e ser conhecido, afinal ele teria oito anos para isso, mas …

Ele e seu P(h)ODEMOS acham que ganham eleição anunciando Moro como seu Ministro da Justiça, Moro o criado mudo, como sempre, preferiu não comentar o assunto.

Ah!! Quando o Ego cega.

Lula….Lula teria que escrever páginas para analisar sua candidatura, mas que será um tal de recurso, embargo declaratório, julgamento… e não duvido que ele seja eleito, mesmo preso.

Agora o grande final é a aposta do MDB em Henrique Meirelles. Essa candidatura poderia até decolar se não fossem as raposas que habitam esse galinheiro.

E quem MDB chamou para vice do Meirelles? Sim, ela, Marta Suplicy.

Ela declinou dizendo que estava saindo da vida pública – leia-se não vou me reeleger, então prefiro sair por cima – e também estava deixando o MDB.

Uau…aquele casamento pomposo dela com o MDB para desgrudar o PT dela acabou assim? E o amor? É Marta… a traíra pescada hoje, é o almoçode amanhã.

Por último, as peripécias do Lorde Voldemort.

Os Bolsomitos estão eufóricos, achando que seu mito está apto aos debates, já que ele teria calado a GloboNews citando um editorial do Jornal o Globo, de 1984, onde se destacava o apoio da Família Marinho ao Golpe Militar de 1964. Pior foi a cara de pomba lesa dos jornalistas e dos editores…. sem a devida resposta no ato.

Cara, que mico. Só depois alguém se tocou que em 2013, durante as manifestações do Gigante Adormecido, o Jornal “O Globo” tinha escrito que o editorial em apoio ao golpe de 1964 foi um erro.

Isso séculos depois do Mito ter soltado a bomba no colo deles. Coube a Miriam Leitão, ao final, como uma marionete, repetir trechos do texto que lhe era repassado no ponto eletrônico.

Outra bravata do Lorde, para não dizer mentira deslavada, ocorreu na entrevista concedida ao Roda Viva (30/07). Em determinado momento, o fulguroso capitão disse que teria participado da caça ao terrorista Carlos Lamarca, no interior de São Paulo.

Ora vejam, Lamarca foi morto em 1971, no interior da Bahia, ano em que o paraquedista tinha apenas 16 anos. Fica vermelha cara sem vergonha … ops… reacionários não ficam vermelhos ….

Um abraço gay para você Lorde!

Até semana que vem.
Twitter: @ricazinha