Um evento mal organizado

Foto: Divulgação

Na manhã do último dia 15 na cidade Goiânia-GO, aconteceu o evento “ENCONTRO DE PRÉ-CANDIDATOS UNIDOS PARA MUDAR GOIÁS”, com o pré-candidato ao governo do estado o senador Ronaldo Caiado, juntamente com presidentes de partidos, lideranças políticas, e pré-candidatos a deputado estadual e federal.

A festa parecia bonita, lotada, mas a organização foi de amadores.

O que era pra ser um grande evento reunindo pré-candidatos e seus correligionários, virou uma bagunça só.

Local abafado, mesmo com três aparelhos de ar condicionado ligados, água só no bebedouro, mas até ai tudo bem. O problema maior foi que as estrelas principais do evento eram o candidato ao governo senador Ronaldo Caiado, o candidato a reeleição ao senado, senador Wilder Morais e claro os pré-candidatos a deputado estadual e federal. Porém, os presidentes de partidos, fizeram a festa em um excesso de puxa-saquismo, como quem quer garantir um cargo ao governo caso Ronaldo Caiado, venha ganhar as eleições, e se esqueceram dos seus pre-candidatos a estadual, mesmo cada presidente de partido tendo 10 minutos para usar palavra, nem um sequer, se lembrou de ler os nomes dos seus pré-candidatos, usando os dez minutos para elogiar e puxar saco de Ronaldo Caiado e Wilder Morais.

O que aconteceu?

O esperado, aos poucos os convidados dos pré-candidatos foram se retirando e com sentimento frustrado, tendo a certeza de que mais uma vez foram usados como massa de manobra, não pelos pré-candidatos que os convidaram e tinham a convicção de que pelo menos seus nomes seriam falados na palanque, pelos presidentes de cada partido.

Ruim também para as estrelas maiores da festa, o senador Ronaldo Caiado e o Senador Wilder Morais, que quando tiveram a chance e oportunidade de falarem, já não contavam com um local tão cheio como quando adentraram o recinto.

Conclusão: Cargo majoritário, tem que ter organização de campanha majoritária e não o amadorismo e puxa-saquismo que todos comentavam e observavam.